segunda-feira, 26 de março de 2007

Poster oficial do filme O Segredo, no Brasil

Poster Oficial do filme O Segredo:

2 comentários:

Anônimo disse...

O Segredo na minha vida

Aldo... Bom dia!!! Sempre recebo a sua newsletter por e-mail e gosto muito de interagir com ela.

Entretanto a de hoje me chamou a atenção: o segredo!!! Sou propagandista, visito dentistas e uma dentista me falou desse filme. Ao assistir pude, de fato constatar o que você mencionou: mudança radical de vida!

Não só de estilo de vida, mas de respostas ante aos reverses da vida. E de como se comportar para que eles não venham a todo momento. De fato, "O segredo" foi um marco divisório na minha vida e do meu marido... que já utilizava técnica, sem conhecê-la a fundo.

Gostei da iniciativa da disseminação. Se possível, fica o lembrete do site oficial: www.thesecret.tv.

Abraços,

Camila Pupin

Carlos A V disse...

A crítica não gostou do filme, pelo menos "o bonequinho" de O Globo, ele está dormindo na cadeira e faz uma crítica que remete ao charlatanismo. Menciona algo como "se você está desesperado assista o filme". Acho que isso responde a pergunta que um colega de trabalho me fez ao recomendar que assista o filme: "se o filme é tão bom e o segredo é tão óbvio, porque as pessoas não o usam amplamente?".
Resposta, porque muitas pessoas são como o crítico do cinema, simplesemente vão, assistem mas não conseguem entender a profundidade do que é mostrado. Sabem aquele declaração de Jesus "muitos são os chamados mas poucos os escolhidos"? Pois é, acho que é por ai, muitas pessoas tomarão conhecimento do "secreto" mas poucas o irão efetivamente implementar na sua vida, só que não é uma questão de escolha divina é uma questão de escolha pessoal. Assisti um vídeo da Oprah e ela falava que ela sempre soubera do "secreto" só que não o conhecia por esse nome, era tudo o que ela sempre achou certo mas que nunca o havia colocado dessa forma. É mais ou menos por ai, acho que é essa a resposta ao sabermos porque tão pouca gente se aproveita de conselhos de "coaches", terapeutas, pastores, etc. Fácil é achar lindo, coerente e até motivante. Complicado é implementá-lo no seu dia, isso exige disciplina, dedicação, esforço, paciência e isso tudo é muito chato. Somente os que decidem encarar esse "complicômetro" é que terão os dados do destino jogados ao seu favor.
Abraços
Carlos Oyola
oyola@globo.com