sexta-feira, 6 de abril de 2007

Critica a Revista Veja

Recebemos, aqui no blog, um texto criticando a revista VEJA. Então, ai vai ele:

O SEGREDO

Você sabe o que é um segredo? Tem certeza de seu real significado? O dicionário tem um monte de definições para essa palavra, sinal de que, por desconhecimento de causa, o dicionarista também não sabe o que é.

Dizem que segredo é uma coisa sigilosa, mas não é verdade. Todo mundo vive contando segredos para os outros.

Quando alguém vem me contar alguma coisa e pede que eu guarde segredo, vou logo avisando que não me conte, pois se contar eu vou espalhar. Afinal de contas por que terei que ser a guardar uma coisa que ela não quis guardar? Nem vem. Não quero saber de segredinhos.

Segredo mesmo é algo muito mais profundo do que você encontra nos dicionários, tão profundo que ando em busca dele já há algum tempo e só saberei que descobri quando o encontrar. E esse segredo é aquele que de tão secreto você quer contar, porque é lindo, mas não consegue, não dá para contar. Não dá para falar mais sobre isso aqui e agora. Nem era essa a minha intenção. Eu queria mesmo falar sobre o filme O Segredo, ou The Secret. Mas direi apenas que é um grande filme e que deve ser assistido por aqueles que se interessam em mudar de vida. Não vou entrar em mais detalhes. Assistam, agora ele já está nas telas dos cinemas e também em DVD.

Quando via capa de Veja desta semana, eu já adivinhei o que estaria lá dentro da revista. A capa de Veja nunca traz boas noticias e normalmente traz bandidos e políticos nas capas e vez por outra fala de alguma religião.

A matéria é assinada por Lizia Bydlowski, que não sei se é crítica de cinema, crítica literária ou simplesmente uma redatora ou uma das editoras da revista.

Não sei se ela assistiu ao filme por inteiro ou viu só uma parte, ou mesmo se leu o livro. O filme está há meses circulando em uma versão digamos, alternativa, entre pessoas que estão à busca de mais conhecimento e não de bens materiais.

Claro que o filme fala disso, do pensamento positivo, de você saber o que deseja e coisas afins. Mas a revista procura destruir o filme que é um sucesso mundial. Aliás só o fato de ser criticado por Veja já é motivo de assistir ao filme.

Não é um filme que fará sucesso de bilheteria, pois é um filme para poucos. É um filme para ser visto e comentado com pessoas que também se interessam em ter uma vida melhor e que não esperam que tudo caia do céu, como a revista quer fazer crer.

Existem muitas verdades no filme e também existem coisas de difícil entendimento para quem não é da área, como física quântica, por exemplo. A reportagem se baseia na opinião de especialistas, mas a revista não diz em que eles são especialistas. Aliás, um especialista é a pessoa que só sabe aquilo. Você confia em um especialista?

Outro jornalista (?), Jerônimo Teixeira vai mais longe em suas críticas dizendo que o livro O Segredo é uma salada de idéias mágicas e antigas, pois são citados desde poetas de século XIX até escritores dos anos 50, no século passado, passando por Freud, é claro. Cristo disse: pedi e recebereis. Isso a reportagem não fala.

Na Vejinha, que acompanha a revista desta semana, na sessão filmes, o Segredo aparece sem nenhum destaque e descrito como uma “fita que se vale de depoimentos de filósofos, cientistas, professores e escritores para falar de um segredo. Seria um enigma de 4.000 anos a que poucos líderes ou gênios como Leonardo da Vinci, Galileu, Beethoven e Einstein tiveram acesso”.

Detalhe: ao lado do filme não aparece nenhuma estrelinha dando a indicação de que o filme é bom, ruim ou excelente. Quer dizer, o filme serve como matéria de capa e o crítico de cinema da Vejinha não viu o filme ainda.

Dentro da própria Editora Abril existe o exemplo de que o segredo existe.

Victor Civita foi um dos que descobriram, tanto é, que após sua morte o grupo vem encolhendo cada vez mais, cheio de dívidas e se segura graças às vendas de Veja e a receita recebida pela publicidade. Veja é uma revista difícil de você analisar porque de tão ambígua você nunca consegue saber de que lado ela está. O que interessa é vender. E é por isso, que quase sempre, a revista traz bandidos em suas capas e suas matérias sobre medicina são sempre superficiais e isso eu ouvi da boca de médicos. São alarmantes e não esclarecedoras. Imagino como é uma reunião de pauta da revista.

É pena pois Veja deixou de ser uma revista séria há muito tempo aliás, em matéria de seriedade O Pato Donald ganha disparado.

Conselho final: rasgue a revista e veja, digo, assista ao filme.


Ivan Jubert Guimarães
http://pensamentoliberal.blog.uol.com.br/

11 comentários:

Anônimo disse...

oi ivan
adorei todas suas colocações, eu mesma fui uma das primeiras a escrever neste blog minha indignação ao ler a matéria e inclusive escrevi pra revista veja falando muito mau da repórter, que pelo vistto não entendia nada do assunto que escreveu.
mas o ponto positivo é que se está falando no filme, cabe as pessoas se interessarem !!!
abrs
carmem

Anônimo disse...

Eh, como vc disse:

Esse livro e DVD são para poucos. Pois nada adianta vc ter vontade de ajudar se a pessoa não quer se ajudar... e outra, eu acredito q as coisas funcionam mesmo regido por certas leis quer essas pessoas acreditem ou não.

Anônimo disse...

Eu apoio sua teoria, pois antes de ler o livro eu estava me sentindo meio chatiada comigo mesmo, então comecei a pensar diferente e já me sinto bem melhor,até emagreci alguns quilos.Não que eu ache que só pensar seja suficiente, mas se vc pensar e realmente tiver vontade e determinação você vai chegar lá. E é isso que diz o livro.

Anônimo disse...

Olha Ivan, também não gosto da Veja acho ela tendenciosa, porém achei que sua resposta com relação a matéria também toma partido, no caso a defesa do "The Secret". Mas notei que a sua defesa não tem bases sólidas, que dêem credibilidade ao que foi escrito por você (algo que prove que você está correto) e provavelmente a Veja também.

Quando vc diz "Existem muitas verdades no filme e também existem coisas de difícil entendimento para quem não é da área, como física quântica, por exemplo. A reportagem se baseia na opinião de especialistas, mas a revista não diz em que eles são especialistas."

Vc se isentou de buscar algo que derruba-se ou confirma-se o que a revista afirmou, bem como faltou a ela citar as fontes, no caso os especialistas ou artigos acadêmicos.

Depois vc diz "Aliás, um especialista é a pessoa que só sabe aquilo. Você confia em um especialista?". Sua colocação foi infeliz, pois vc afirma dizendo que nós da comunidade acadêmica (mestres, doutores, e todos os outros que gastam boa parte do seu tempo muito pesquisando determinados assuntos) somos seres sem capacidade de aprender algo diferente do nós pesquisamos e que ainda esquecemos quase todo nosso passado, vc nos resumiu a seres bitolados e ineptos que só sabem sobre algo(tema) específico e nada mais.

Nós somos humanos semelhantes a vc com uma diferença, escolhemos a pesquisa como profissão e só.

E me desculpe se ofendi, não era esse meu propósito.

Atenciosamente, Marcel

Anônimo disse...

Achei muito fraco a Reportagem da Revista veja... Pois o Segredo também prega o "Estar Bem Consigo Mesmo"...
E Somente isso.. ja é algo para se falar bem... de qualquer livro ou filme que saia no mercado...

P.Sérgio
Araranguá - SC

Anônimo disse...

Talvez, e provavelmente mais uma tentativa daqueles que "dominam" ou ao menos tentam... fazer as pessoas perderem a fé que possuem no Segredo. Triste mesmo, como disse o autor, para a revista Veja que um dia cheguei a crer que fosse séria. Definitivamente, argumentos não convincentes tanto da reportagem da revista, por visto muito, muito mal feita e mal pensada, como do autor, apesar de concordar com vc, apresente algumas teses que comprovam que "O segredo" existe mesmo.
No fundo,é muito melhor acreditar que não acreditar, pior ainda de duvidar/achar uma baboseira. Otimismo, se assim pode ser chamado também, ajuda bastante na construção de uma vida melhor.

Boas vibrações... ;)
Abraços.

Lenin Ivanovitch disse...

olá a todos!
vi o filme com a mente aberta, mas falando a verdade não achei de grande utilidade...além de ser materialista ele pega uma velha receita de livros de auto-ajuda e mistura com um apelo tipo igreja universal do reino de Deus... apenas trocam Deus pelas forças naturais (pseudo-ciência), essa receita serve apenas pra cativar pessoas que não querem ou não acreditam em deus, tomam o mesmo remedio com nome diferente -trocam religião por pseudo-ciência...
Sinceramente prefiro não ser enganado, livros de auto ajuda são melhores e mais honestos!!!!

Anônimo disse...

Assisti o filme e já fiz alguns testes e podem acreditar que funciona mesmo. Basta você mudar seu jeito de pensar e agir, é claro que as coisas não caem do céu mas com fé e força de vontade podemos atrair tudo o que queremos.O livro só reforça tudo o que já sabemos. Experimentem!
Acho que a veja é assim mesmo, sempre querendo casusar polêmica!

Anônimo disse...

Então ridículo vai continuar a falar mal da veja? Esse livro é puro marketing. O segredo? Essa é boa. O próprio título é uma pegadinha. Tudo que es´ta escrito não é novidade, e ainda pegou várias frases de pessoas importantes e fez uma salada, terrível.
A veja é uma revista muito boa, só não gosta os esquerdistas e os pobres, hahaha

Marco Aurelio disse...

qUEM FALA NESSE TOM É ALGUEM JOVEM,CONTRADITÓRIO E POUCO HUMILDE.Nunca vais compreender quem tu es, a tua natureza, eu nem devia estar a dizer isto, pois por um lado até é bom existir pessoas assim, pois me fazem mais rico e poderoso.
Tu e muitos outros na internet que comentam com criticas algo que nao entendem nem estao dispostos a entender, falam como se tivessem consciencia plena, mas esquecem-se que nao foram programados na infancia neste tipo de educaçao, daí a renitencia na eceitação de uma coisa tão natural e dificuldade de entender. É triste, mas voces nem imaginam o que podem conseguir a nível de tudo.
Quem me diz que entendeu no proprio momento a força e energia; MENTE. Vou deixar meu testemunho:
Levei oito anos, dos 19 aos 27 para entender ( 1º livro: força magica da vontade- 1970), 27- principio de consciencia, 28- principio de realização, 29/30 comprei uma casa ( boa), dois carros, empresa e capital- honestamente.
Apareceu-me uma érnia cervical, comecei a sofrer de enxaquecas fortissimas de dois em dois dias e problemas de memoria; então decidi que era inatingivel por qualquer anomalia, aí, TUDO desapareceu.

Bem jovens, apesar de tudo acho que teem razão, mas.... eu também. Boa sorte.

Raquel disse...

OLÁ MEU NOME É MARCOS...(POSTEI PELA MINHA IRMÃ)

APESAR DE ESTAR APRENDENDO A LI DAR AINDA...ACREDITO QUE POSSA FUNCIONAR SIM..NÃO POR MAGICA OU MILGARE.....MAIS QUANDO POENSA SOBRE O QUE QUER VC TAMB´´EM AGE DE ACORDO,E ACABA POR CRIAR OPORTUNIDADES PARAR QUE ISSO SEJA VIABILIZADO ATÉ VOCÊ, TEM MAIS CORAGEM E MAIS CONFIANÇA DE CONSEGUIR O QUE ACHAVA QA NÃO ERA CAPAZ, E SIM ACHO QUE SEUS PENSAMENTOS TE LEVAM PARA SEU ESTADO ATUAL SIM, POIS NÃO ME LEMBRO DE VER UMA PESSOA BEM DE VIDA PESSIMISTA,...E QUANTO A SER NOVO E NÃO COMPREENDER,ACHO ISSO MUITO RELATIVO, TENHO 20 ANOS DE IDADE, E ACREDITO SIM...JA TIVE ALGUMAS PORVAS...NADA MUITO GRANDE,MAS ESPERO CONSEGUIR SIM...ALGUMAS COISAS QUE ESTAVAM MAIS ENROLADAS SE DESENROLARAM, SEM QUE EU ME PREOCUPASSE MAIS COM ELAS, NÃO SEI SE FOI O ACASO OU SE FOI A LEI DA ATRAÇÃO..POR ENQUANTO ESTOU TESTANDO, JAMAIS IRIA DESMERECER UMA IDEIA SEM ANTES TESTA-LÁ...E POR ENQAUTNO UMA COISA POSSO FALAR...DE QUANDO COMECEI PRA CÁ..NADA IOROU AGUMAS COISAS MELHORARAM..E ESTÃO EN ANDAMENTO...MUITO OBRIGADO!